José Antônio é empossado oficialmente como novo secretário de Saúde de Senhor do Bonfim

 


Tomou posse nesta terça-feira, 8 de outubro, o novo secretário de Saúde de Senhor do Bonfim, José Antônio Souza de Oliveira. O ato ocorreu no Paço Municipal e reuniu equipes da saúde, secretários de governo, vereadores, e servidores municipais de diversos setores.

O novo secretário que também é vice-prefeito do município assume o cargo deixado por Angeli Matos, que será a nova diretora da Policlínica Regional de Senhor do Bonfim.

Ao se despedir da pasta, onde esteve desde janeiro de 2017, Angeli falou dos problemas deixados pela gestão anterior , das inúmeras conquistas alcançadas e agradeceu às equipes da saúde que compartilharam com ela a experiência de coordenar uma das áreas mais sensíveis da administração municipal.

“Estou bastante tranquila porque sempre procurei fazer o melhor que pude em prol de uma assistência de qualidade à nossa população. Muito obrigada a todos! Levarei comigo um carinho muito grande por todos vocês”, agradeceu.

José Antônio ocupou recentemente a direção do Hospital Dom Antônio Monteiro (HDAM), após rompimento do contrato da prefeitura com o Instituto Caminhada. A entidade teve o contrato suspenso por não corresponder às expectativas do município durante vigência da parceria de gestão.

Responsável pelo o equilíbrio das finanças do HDAM e do novo modelo de gestão implantado na unidade hospitalar, está entre as metas do novo secretário a humanização do atendimento e a busca por tornar o município de Senhor do Bonfim referência em saúde pública.

“Tenham absoluta certeza que haveremos de continuar o trabalho da Angeli e melhorar cada vez mais o serviço de saúde pública ofertado aos nossos munícipes. Nós temos uma equipe muito boa, juntos vamos fazer uma saúde para todos na Terra do Bom Começo”, enfatizou Zé Antônio.

Confira quem são os cinco novos conselheiros tutelares de Senhor do Bonfim

 

 

No último domingo ,6 de outubro, 3.681 eleitores de senhor do Bonfim foram as urnas de forma facultativa, para escolher os novos conselheiros tutelares para a gestão 2020 a 2024.

A eleição contou com participação de 15 candidatos para 5 vagas. A votação começou às 8h e se concentrou em 6 locais de votação na cidade e no interior do município, até às 17 horas.

Responsáveis pelo atendimento a crianças e adolescentes cujos direitos são ameaçados ou violados, os conselheiros tutelares eleitos vão assumir a função a partir do dia 10 de janeiro de 2020.

Titulares

Josce, Zé Raimundo, Grazi, Marcelão e Joelya

Suplentes

Benedita, Jacsãn, Rita, Cris e Erivelton.

Ascom PMSB

Proae realizará Recepções aos Calouros dos Campi Ciências Agrárias e Senhor do Bonfim

Presidente do DCE, Bruno de Melo, conversou com os calouros na primeira Recepção.

A Pró-Reitoria de Assistência Estudantil (Proae) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) realizará, na próxima semana, a Recepção aos Calouros dos cursos do Campus Ciências Agrárias (CCA), em Petrolina (PE), e do Campus Senhor do Bonfim (BA). A recepção no CCA será na terça-feira (8), às 14h30, no Núcleo Temático 1. Já em Senhor do Bonfim, o encontro será realizado na quarta-feira (9), às 19h, no Auditório do Campus. Não é necessário fazer inscrição prévia. A Proae também realizará momentos de recepção aos calouros dos outros campi. A data dos encontros em cada campus será divulgada posteriormente.

A recepção será uma oportunidade para que os ingressantes dos cursos presenciais de graduação da Univasf conheçam a Proae e como funcionam os programas de assistência estudantil oferecidos pela instituição. Nas duas Recepções a equipe da Proae estará presente, para que, assim, possam apresentar a Assistência Estudantil e sanar as dúvidas dos ingressantes. Na primeira Recepção, que aconteceu no dia 25 de setembro, no Campus Sede, em Petrolina, 37 calouros compareceram.

Implantada em 2012, a Proae visa à promoção da permanência do estudante na universidade, o respeito à sociodiversidade humana e o êxito acadêmico dos estudantes de origem popular ou em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Atualmente, a Proae viabiliza recursos para os estudantes através dos programas Bolsa Permanência da Univasf, Bolsa Permanência do MEC, Auxílio Permanência, Residência Estudantil, Auxílio Moradia, Auxílio Transporte, Restaurante Universitário, Transporte Intercampi, Auxílio Alimentação, Apoio Pedagógico (PEMD) e Auxílio Creche.

 

Gersica Brito/Univasf

Bahia cai diante do Athletico e perde chance de se firmar no G6

 

 (Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Enfrentar o Athletico-PR nos últimos anos tem sido parada dura para o Bahia. Na noite deste sábado (5), o tricolor voltou a tropeçar no rival paranaense. Perdeu por 2×1, na Fonte Nova, sofreu o seu primeiro revés no estádio neste Brasileirão e, de quebra, ainda perdeu a invecibilidade que durava mais de um ano no estádio pela Série A.

Para piorar, o Esquadrão viu correr pelas mãos também a chance de se consolidar no G6 do Brasileirão e estacionou nos 37 pontos, na sétima colocação. O Bahia volta a entrar em campo na próxima quarta-feira (9), quando recebe o São Paulo, às 21h, na Fonte Nova.

O jogo
Sem desfalques, Roger aproveitou para repetir a escalação dos últimos dois jogos. O que se viu em campo foi um primeiro tempo bastante pegado entre as duas equipes.

Tentando explorar as jogadas pelos lados, com a velocidade de Élber e Artur, o Bahia iniciou o duelo errando muitos passes e demorou um pouco para criar grandes chances. Tanto que o primeiro lance de perigo foi do time paranaense. O chute de Lucho González passou tirando tinta da trave de Douglas.

Quando conseguiu conectar as jogadas, o Esquadrão quase tirou o grito de gol da garganta do torcedor. Aos 24 minutos, Gilberto o aproveitou o cruzamento da esquerda e tentou achar o canto de Santos, mas o goleiro do Athletico fez boa defesa.

O camisa 9 voltou a assustar pelo alto. No cruzamento de Artur, Gilberto testou forte e a bola explodiu na trave. Santos já estava batido no lance e contou com a sorte para não sofrer o gol.

Um minuto depois foi a vez de Élber fazer grande jogada depois de tabelar com Moisés. O camisa 7 passou fácil por Thiago Heleno e, dentro da área, cruzou para Gilberto. O atacante pegou de primeira, mas a bola encobriu a trave de Santos.

Vacilo e reação tardia
O Bahia voltou para o segundo tempo com a mesma formação, mas foi o Athletico que partiu para o ataque. Apesar de não conseguir chegar com qualidade ofensiva e pouco assustar Douglas, o time paranaense ia controlando bem a partida. Enquanto isso, o tricolor esperava uma chance para puxar o contra-ataque.

Aos 11 minutos, Léo Cittadini cobrou escanteio, Thonny Anderson desviou e Marcelo Cirino mandou para as redes. Douglas ainda tentou cortar, mas já era tarde: Athletico 1×0.

Com o prejuízo, Roger sacou o meia Guerra, que não estava bem na partida, e colocou Lucca em campo. O Bahia parecia esboçar um princípio de reação, mas o dia não era tricolor. Na cobrança de falta do camisa 11, Santos deu o rebote, só que a conclusão de Nino parou na trave. A terceira do Esquadrão no jogo. Para piorar, o tricolor ainda teve de provar do próprio veneno.

Na jogada em velocidade, Thonny Anderson cruzou para o meio da área e Léo Cittadini completou para as redes, marcando o segundo do Athletico-PR na Fonte Nova.

Sem tempo para perder, Roger lançou mão do volante Flávio e colocou Fernandão em campo. A mudança deu certo. O cruzamento de Nino Paraíba achou o camisa 20 dentro da área. De cabeça, Fernandão descontou para o Bahia aos 31 minutos e incendiou a torcida tricolor.

Com o tempo como inimigo, o Bahia tentou se lançar ainda mais ao ataque na busca pelo empate, mas esbarrava na forte marcação do Athletico. Sem conseguir chegar ao sonhado gol, restou ao tricolor apenas lamentar a derrota em casa. Apesar disso, o time saiu aplaudido de campo.

 

Gabriel Rodrigues

[email protected]

Reprodução: Correio
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bahia-cai-diante-do-athletico-e-perde-chance-de-se-firmar-no-g6/

Vaquejada de Serrinha se pronuncia após acusações de trabalho escravo: ‘Equívoco’

 

Tradicional festa do interior da Bahia, a Vaquejada de Serrinha foi incluída na “lista suja” do trabalho escravo, divulgada na última semana pelo Ministério da Economia.

A nova relação afirma que 28 empregadores que foram autuados por submeter 288 trabalhadores à escravidão contemporânea.

Por meio de nota enviada ao bahia.ba, a organização do evento se manifestou sobre o caso. No texto os produtores afirmam que a denúncia é um equívoco do Ministério da Economia, já que a denúncia é referente a um caso isolado que aconteceu em 2016.

A organização ainda afirma que está tomando medidas cabíveis para que o nome da festa seja removido da lista por acreditar que exista equívocos na relação divulgada pelo ministério. Confira a nota na íntegra:

ESCLARECIMENTO

A organização da Vaquejada Parque Maria do Carmo, popularmente conhecida como Vaquejada em Serrinha, esclarece que os fatos noticiados sobre a inclusão da empresa na lista de trabalho escravo do MPT, refere-se a um episódio isolado ocorrido no ano de 2016, em que supostamente fora detectado a presença de trabalhadores em desacordo com a Legislação Trabalhista.

A organização lamenta que tenha sido associada ao uso de mão-de-obra escrava, já que os fatos já foram esclarecidos na época, inclusive sendo autorizada a manutenção do trabalho dos mesmos trabalhadores no evento. Afirma ainda que serão tomadas todas as medidas para obter a imediata exclusão de seu nome da lista suja do Ministério do Trabalho, por entender existirem equívocos que necessitam de esclarecimentos.

*Bahia.Ba



SESP continua instalação de luminárias de LED em Juazeiro

 

 

 

Luzete Nobre/SESP

A prefeitura de Juazeiro, por meio da Secretaria de Serviços Públicos (SESP), continua com a troca de lâmpadas de vapor sódio para as modernas luminárias de LED. Os trabalhos já foram executados na Ponte Presidente Dutra, Avenidas Raul Alves e Antônio Carlos Magalhães, Ruas do Paraíso e Princesa Izabel (Santo Antônio) e Avenida Santos Dumont (Centro).

Nesta sexta-feira (04), a equipe de iluminação segue o trabalho na Orla da cidade e logo depois vai para Avenida Adolfo Viana (Centro), totalizando 470 lâmpadas de LED instaladas.

“Com a instalação de lâmpadas LED o governo municipal pretende reduzir os custos com a manutenção, uma vez que essas lâmpadas são de 30% a 50% mais eficientes do que as convencionais. Enquanto as comuns têm durabilidade de um ano, as LED têm expectativa de vida útil de cinco anos”, explicou o secretário de Serviços Públicos, Celso Leal. Ele destaca ainda que a substituição oferece vantagens à preservação ao meio ambiente, mais segurança para a população, tanto no que se refere ao tráfego de veículos e pedestres.

Mesmo sem dinheiro para fechar as contas, Assembléia Legislativa  paga R$ 500 mil em evento de legisladores

Apesar de precisar de mais dinheiro do governo estadual para não fechar 2019 no vermelho, a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) vai pagar R$ 500 mil em “apoio financeiro” para realização da XXIII Conferência Nacional dos Legisladores Estaduais.

A publicação sobre a homologação do convênio foi publicada no Diário Oficial do Legislativo deste sábado (5). O evento vai acontecer em Salvador, entre os dias 20 e 22 de novembro, com realização da União dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale).

Com déficit orçamentário de cerca de R$ 159 milhões – o valor foi informado ao BNews pelo presidente da Casa, Nelson Leal – a Assembleia vai necessitar que o governador Rui Costa suplemente o orçamento para passar o ano sem dívidas ainda maiores.

De acordo com informações de bastidores, a gestão anterior, do agora senador Angelo Coronel (PSD), teria deixado a Casa em estado pré-falimentar. Um dos motivos para isso foi a aprovação do plano de cargos e salários para servidores, que onerou o orçamento de maneira não prevista.

Reprodução: BNNEWS

Melhor Curta de Terror: filme de zumbis produzido no Vale do São Francisco é premiado em festival de cinema nacional

 

Necropolis”, curta-metragem de zumbis produzido e gravado na região do Vale do São ‘Francisco, foi premiado como ‘Melhor Curta de Terror’ na quarta edição do Cine Tamoio. O Festival de Cinema da cidade de São Gonçalo-RJ é um encontro de exibições, debates e discussões da produção do audiovisual nacional e que tem o propósito de fortalecer as produções independentes.

O festival foi realizado entre os dias 21 e 28 de setembro. Na categoria terror, “Necropolis” concorreu com outras dez produções de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Minas Gerais, Ceará, Goiás e Mato Grosso do Sul. Os filmes foram avaliados por técnicos da Agência Nacional do Cinema (Ancine).

“Necropolis é a realização de um sonho e, apesar das indicações já serem uma vitória, a premiação do Cine Tamoio veio fortalecer ainda mais a nossa vontade de produzir filmes. Fico muito entusiasmado em representar Juazeiro, Petrolina e toda a região do Vale do São Francisco nesse seguimento do audiovisual. Espero que a aceitação que Necropolis tem recebido sirva de estímulo para a produção de cinema aqui no sertão”, considerou Ítalo Oliveira, diretor e roteirista do curta-metragem.

 

Policiais Civis e peritos recebem Prêmio por Desempenho Policia

 

Mais de 4 mil policiais civis e 841 peritos que atuam em Salvador, Região Metropolitana e interior do estado receberão o Prêmio por Desempenho Policial (PDP), no início do mês de novembro. As unidades que conseguiram alcançar a redução mínima de 6% no número de mortes violentas no primeiro semestre vão receber os valores mínimos de R$ 371 e máximo de R$ 2,4 mil reais.

“Estamos constantemente buscando reduções no tempo resposta de nossas atividades de investigação. O PDP é só um gás a mais para estimular nossos policiais”, contou o delegado-geral das Polícia Civil, Bernardino Brito.

O Prêmio foi criado em 2013 reconhecendo o empenho dos policiais na diminuição dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). Em 2019, o valor total destinado será de R$ 40 milhões. Desde sua criação 172 milhões de reais já foram investidos.

Já o Diretor do Departamento de Polícia Técnica, Élson Jefferson, comemora a chegada do prêmio para as unidades. “É importante ver o trabalho de nossos servidores sendo valorizado”, afirmou.

Fonte: Ascom/Natália Verena

Com Série D mais longa, CBF divulga calendário de 2020 do futebol brasileiro

 

A CBF publicou, nesta quinta-feira (3), o calendário de 2020 do futebol brasileiro. A entidade revelou o período de disputa das competições.

A temporada será iniciada em 22 de janeiro, com os estaduais, que devem ser encerrados em 26 de abril, com 16 datas. Já o final da temporada será em 6 de dezembro, com a última rodada da Série A.

Como prometido, a CBF suspendeu os jogos da Série A nas datas FIFA. Com isso, clubes que tiverem atletas convocados para a Seleção não atuarão desfalcados.

A entidade resumiu as novidades do calendário. A principal delas é a Série D do Brasileirão mais longa, com início em 3 de maio e final em 22 de novembro. Confira abaixo:

Datas FIFA

As Datas FIFA de 2020 estão livres de jogos do calendário nacional. Serão 10 jogos de seleções espalhadas em cinco períodos, compreendidos entre março e novembro. No caso das seleções sul-americanas, serão oito jogos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar (março, setembro, outubro e novembro) e dois jogos amistosos preparatórios para a disputa da Copa América (junho).

Férias e pré-temporada

As férias irão ocorrer de 9 de dezembro de 2019 a 7 de janeiro de 2020, totalizando os 30 dias previstos na legislação. A pré-temporada poderá ser realizada até o início das competições estaduais, ou seja, de 8 a 21 de janeiro de 2020.

Primeiro título em jogo

A Supercopa do Brasil, a ser disputada entre os campeões da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro de 2019, será o primeiro título em disputa na temporada. O jogo acontecerá no dia 19 de janeiro, em local a ser anunciado, como última data da pré-temporada.

Calendário dos Estaduais

Os campeonatos estaduais passarão a ter no máximo 16 datas disponíveis para 2020, compreendidas no período entre 22 de janeiro e 26 de abril. Em trabalho conjunto com as Federações, a CBF vem gradativamente adaptando o número de datas destas competições, imprescindíveis ao desenvolvimento do futebol brasileiro. De 2017 a 2019 foram utilizadas 18 datas. E para 2020, estão previstas no máximo 16 .

Clique para ver o calendário 2020

Série A

A Série A do Campeonato Brasileiro de 2020 tem seu início marcado para o dia 3 de maio, estendendo-se até o dia 6 de dezembro. Será disputado no atual formato, em pontos corridos ao longo de 38 rodadas.

Série B

A segunda divisão do Campeonato Brasileiro irá de 2 de maio a 28 de novembro, continuando em sistema de pontos corridos e dando acesso a quatro equipes para a Série A do ano seguinte.

Série C

Mais uma divisão que tem seu formato consolidado, com fase classificatória e a fase de jogos eliminatórios. Inicia no dia 3 de maio e vai até 8 de novembro. As quatro equipes que alcançarem a fase semifinal do campeonato ascendem à Série B de 2021.

Série D estendida

O calendário de 2020 contempla uma reivindicação de clubes da Série D, que era o aumento do número de datas da competição. A competição passa a ser disputada por 64 clubes, em sua fase principal, sendo precedida por uma fase preliminar que movimentará oito clubes.

Estes serão divididos em oito chaves, com jogos de ida e volta. Os quatro melhores de cada grupo se classificam para a segunda fase, totalizando 32. Estes se enfrentam em confrontos eliminatórios até a definição do campeão.

Desta forma, a competição passa de 16 para 26 datas. O início será no dia 3 de maio e a final em 22 de novembro.

Copa do Brasil

As oito fases da Copa do Brasil serão distribuídas em 19 datas, de 5 de fevereiro a 16 de setembro. Os clubes participantes da Libertadores entrarão a partir das oitavas de final, como tem ocorrido desde 2013. Um grande acerto deste ano será consolidado: as finais da Copa do Brasil foram antecipadas para setembro, a fim de evitar conflito com a fase decisiva do Campeonato Brasileiro e das copas continentais.

Clique para ver o calendário 2020

Reprodução: Galaticos