Motorista é parado ao dirigir com as portas traseiras abertas para transportar caiaque a praia

Por: Fernando Moreira

Motorista é parado ao dirigir com as portas traseiras abertas para transportar caiaque a praia
Motorista é parado ao dirigir com as portas traseiras abertas para transportar caiaque a praia Foto: Reprodução/Facebook

Você já deve se deparado na rua com cenas de carros carregando objetos que ultrapassam, perigosamente, pelas janelas, os limites dos veículos. Mas um flagrante de infração feito recentemente em Northumbria (Inglaterra) foi muito além de uma “simples” irregularidade. O motorista de um carro de passeio resolveu levar nele um caiaque quando se dirigia para curtir um dia na praia em Whitley Bay. Para acomodar a embarcação, de mais de 3 metros de comprimento, o motorista deu um jeitinho e circulou com as duas portas traseiras abertas. O episódio chocou quem o testemunhava. A polícia foi chamada e interceptou o veículo, um pequeno Seat, contou o “Daily Mail”. O motorista não pôde seguir viagem.

Ima imagem do incidente viralizou nas redes sociais após ser postada na página de moradores de Northumbria no Facebook.

O policial local Darren Lant, que estava trabalhando no momento do incidente, postou no Twitter sobre a cena bizarra:

“Há quem pense que isso seja aceitável.”

EXTRA

Brutalidade: Homem é morto com faca cravada no pescoço em Senhor do Bonfim

 

Foto: redes sociais

Um homem de 50  anos foi morto com diversas facadas no pescoço na manhã deste  sábado (1º)  em Senhor do Bonfim (BA).

A Polícia Militar recebeu informação de que uma pessoa havia sido vítima de homicídio na Rua Djalma Dutra (Boxs de Alimentação) e, ao chegar no endereço, Joseval Ferreira de Souza  foi encontrado  já sem vida. Uma equipe do SAMU constatou o óbito por esfaqueamento por volta  de 11h30.

A brutalidade do crime foi tão grande que o autor deixou cravado  no pescoço da vítima a arma do crime, uma  faca tipo peixeira.

A investigação do homicídio será realizada pela  polícia civil e deve apontar a motivação do crime. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Senhor do Bonfim, no Norte do Estado. Uma das hipóteses iniciais  levantadas é  a hipótese de um latrocínio (roubo seguido de morte).

Segundo  informações de parentes,  ele havia sacado no banco um valor em dinheiro antes do crime. A vitima residia com a mãe no bairro grande  Olaria.

FALANDOTUDO.COM – SITE DE NOTICIAS  DE SR. DO BONFIM

BBB 22 : Abertas inscrições para nova temporada do reality

[BBB 22 : Abertas inscrições para nova temporada do reality]
 01 de Maio de 2021 às 08:53  Por: Divulgação 

Por: Folhapress

Com a quarentena imposta pela pandemia, as entrevistas de seleção serão feitas de forma virtual, como aconteceu em 2020. Os candidatos devem ficar atentos que as vagas são limitadas e os acessos ao site são altos.

A TV Globo alerta que todos os contatos serão feitos pelos canais que o candidato preencheu no questionário, como e-mail, telefone e SMS. Segundo a emissora, o primeiro contato com os selecionados será feito ppr e-mail que tem o domínio @redeglobo.com.br.

Após o envio do e-mail, a emissora entrará em contato pedindo para o candidato confirmar o recebimento do e-mail. Na sequência, será marcada a entrevista virtual, com data e horário, que será uma conversa para conhecer melhor o inscrito.

As edições do BBB 20 e 21 bateram recordes mundiais de audiência. No ano passado, registrou a votação histórica de 1,5 bilhão de votos no Paredão que eliminou Felipe Prior conta Manu Gavassi e Mari Gonzalez.

Em 2021, o paredão que resultou na eliminação de Arthur contra Camilla e Pocah bateu recorde. A votação popular alcançou 3,6 milhões de votos por minuto.

No dia 25 de abril, o programa registrou a melhor audiência dominical desde 2009 com a eliminação eliminação de Viih Tube e a formação do paredão, com Camilla de Lucas, Arthur e Pocah na berlinda.

Nesta reta final, o programa bateu 31 pontos de audiência e 51% de participação dominical no Rio de Janeiro. Em São Paulo, o reality igualou seu recorde aos domingos com 28 pontos de audiência e 50% de participação.

Dois anos atrás, o reality show da Globo via os números de audiência em queda e a estreia do BBB de 2019 teve a menor média de audiência da história do programa. No ano seguinte, com o confinamento de todos do lado de fora do reality, o BBB teve recordes de audiência na TV.

Mas onde mais cresceu foi na internet —as menções do programa no Twitter cresceram dez vezes em comparação com a edição anterior.

Nessa rede social, entre janeiro e fevereiro deste ano, 2,8 milhões de usuários diferentes mencionaram o BBB, com 41,4 milhões de publicações sobre o programa, de acordo com dados da plataforma de monitoramento Buzzmonitor. Na TV, a média de audiência tem sido de 5,5 milhões de pessoas e o pico foi de 8,1 milhões, na Grande São Paulo.

Hoje em dia, mesmo que muitos não assistam a um aparelho televisivo, eles acabam consumindo o seu conteúdo, de uma forma ou de outra.

Vale ressaltar que uma comparação direta entre audiência na TV e no Twitter será sempre incompleta porque as dinâmicas dos usuários são diferentes nas duas mídias. Enquanto na TV o espectador é passivo, na internet ele pode interagir com um conteúdo sem deixar rastros para cálculo de audiência, como hashtags ou likes.

Além disso, a métrica mais usada pelo Twitter é o número de menções a determinado assunto, e não o número de usuários, sendo que um mesmo perfil pode publicar a mesma hashtag em diversas postagens diferentes.

Segundo Adriana Amaral, pesquisadora especialista em estudos de fãs e professora da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, no Rio Grande do Sul, a maior parte do que está nos memes e nos GIFs vem de séries, filmes e novelas.

O seu ciclo de vida costuma começar no Twitter, depois são replicados, printados e copiados em outras redes sociais. Os memes mais parrudos acabam chegando à televisão, fechando o “ciclo de vida do meme”. “As pessoas brincam que um meme morre quando passa no Fantástico”, diz a professora.

Zecrinha tem música classificada no Festival da Canção – Edição MG

 

 

Duas noites cheias de talentos e muita música brasileira, assim foi o Festival Nacional da Canção, edição especial Minas Gerais. Foram apresentadas 20 músicas, de forma on-line, pelo youtube e facebook do festival. A edição Minas Gerais apresentou um cenário 100% virtual, com uma tecnologia inovadora entre os festivais de música no Brasil

Com a proposta de homenagear os 300 anos de Minas Gerais, edição especial do Festival Nacional da Canção (Fenac) foi realizada em 23 e 24 de abril. Cada canção selecionada foi premiada e garantiu a classificação para o próximo Fenac presencial. Uma nova etapa acontece hoje (30).

Detalhe: A canção “Meu Rio, Êh”, parceria de Wir Caetano com o músico baiano, nascido em Senhor do Bonfim JOSÉ BATISTA DA SILVA SOBRINHO, conhecido por Zecrinha, foi uma das 20 classificadas no tradicional “Festival Nacional da Canção” (Fenac), do Sul de Minas.

A cantora Norma de Jesus foi a intérprete do trabalho, acompanhada por Dan Soares (violão e arranjo), ambos muito conhecidos na cena musical. Foram 614 inscrições na edição deste ano.

“A classificação de ‘Meu Rio, Êh’ é um bom exemplo de que, como disse recentemente a cantora paulista Mônica Salmaso, música é arte do encontro”, diz Wir Caetano. E explica: “a interpretação da Norma é lindíssima, e ficou muito bom o arranjo do Dan Soares” (integrante da banda Dandá, ao lado da mulher, Nadja Furtado, diretora-presidente da Fundação Casa de Cultura de João Monlevade).

O compositor diz que a forma como foi criada essa canção também é uma “arte do encontro”. “O Zecrinha, que mora em Salvador (BA), me enviou a música com um vocalize (canto sem palavras, só com sons vocálicos) e me pediu para fazer a letra. Respondi que não precisava letrar, porque já estava linda aquela música praiana, que fazia pensar em água”, conta ele.  Mesmo achando que a música “falava por si”, Wir Caetano fez a letra “procurando reproduzir nos finais dos versos os mesmos sons do canto original do Zecrinha”.

“Parece que o encontro de sílabas e notas nessa canção de homenagem a Oxum, orixá das águas doces, feminina, foi um casamento feliz”, avalia. Confira a canção através do link, https://youtu.be/mxIJkISb8w4

HISTÓRIA: José Batista da Silva Sobrinho, nasceu em Senhor do Bonfim, em 02/02/51. É conhecido no meio artístico, Zecrinha Batista. Influenciado pela música de raíz, cresceu ouvindo Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Trio Nordestino, Beatles, Bach, Mozart, Beethoven, Tom Jobim, Nelson Gonçalves, João Gilberto, Orlando Dias, Marinês entre outros.

Ele conta que com a mistura “Nâo houve indigestão, houve, sim, um tremendo estalo”! Percebeu que respirava e transpirava normalmente rock, chula, xaxado, baião, xote, côco, afoxé e outros gingados. Uma mistura de sanfona, flauta, pífano, zabumbas, triângulo, pandeiro, viola, agogô.

Por isto foi despertando em si o seu senso musical. Sua primeira apresentação como instrumentista aconteceu em festival estudantil de sua cidade no ano de 1965. Ponto de partida para sua formação de diversos conjuntos de bailes.

Já como guitarrista, tocou em diversos grupos até 1973. Ganhando festivais regionais, dedicou-se a compor músicas e a se apresentar em casas noturnas de shows. Em 1974 foi morar no Rio de Janeiro e mais tarde, participou na cidade de Osasco, em São Paulo, do festival regional. Retornou a Salvador em 1976, onde radicou-se até 1982.

Depois, numa volta ao Rio de Janeiro, passou dois anos tocando nas noites cariocas. Voltou para Salvador em 1984, participando do extinto Projeto Pixinguinha, como instrumentista na banda de Alcyvando Luz, ao lado de estrelas como Elizete Cardoso, Maria Alcina, Ataulfo Alves Júnior e Moreira da Silva. Em 1993 apresentou-se com o show Bicho da Seda na programação paralela do Festival de Inverno de Ouro Preto (MG).

Na discografia inclui dois LPs (Cavaleiro Azul, em 1986; e Bicho da Seda, em 1992) e quatro CDs (Janela de Trem, em 1997, Tecendo Cantos, em 2002, Aurora Instrumental, em 2003, e Coletânea, em 2004). Nos últimos anos, produziu os CDs de vários novos intérpretes de suas músicas, a exemplo de Binha Campello (Pensando em Você), Glória da Paz (Palavras Medidas) e Vanni (À Flor da Pele).

Aconteceu que Zecrinha nasceu nordestino, lá pelo norte da Bahia, onde cresceu feito árvore de raízes profundas, abriu os olhos e a boca para o mundo e na sequência, realiza-se, feito pedra rolante, bruxo discreto, autodidata trabalhando com presteza as suas composições.

Em 2013, iniciou o seu disco intitulado “ Água Filtrada´´ com 13 faixas, composições próprias, incluindo Rosa Amarela, Maneca, Zeca de Oselina e Novela das seis.

Zecrinha também gravou os CDs, Perfil de Cantos, Aió de Bugigangas, Água Filtrada e em 2018, Ararinha Azul.

Algumas das músicas Zecrinha compôs em parceria com nomes como Nilton Freitas, Manuca Almeida, João Energia, Kaka Bahia, Cardan Dantas, Marcio Salgado, Gilberto Lima, Lúcia Prisco, Miguel Araujo, Mário Jambeiro, Neto Bala e Waldizio.

Várias das composições foram gravadas por outros cantores, exemplo, Ubiratan Ferraz, Wilson Aragão, Nilton Freitas, Claudio Barris, Renan Mendes, Débora, Glória da Paz, Binha Campello, Zeu Lobo, Vanni, Miguel Araujo, Eliude, Welligton Miranda, Cicinho de Assis, Marcus Canudos, Farias, Xisto, Clarissa Torres, entre outros.

 

Redação redeGN Foto Arquivo

Ray Reyes, ex-integrante do Menudo, morre aos 51 anos

Menudo Ray Reyes
© Rawy Torres/Reprodução/Divulgação Menudo Ray Reyes
O cantor Ray Reyes, ex-integrante do grupo Menudo, morreu na sexta em sua casa em Porto Rico, aos 51 anos. A causa da morte ainda não foi divulgada.Raül Reyes, irmão de Ray, publicou um comunicado nas redes sociais. “Com uma dor enorme na minha alma os informo que o meu amado irmão Ray Reyes faleceu. Peço que nos deem espaço para digerir toda essa situação e por favor orem pela nossa família”, diz.

https://www.facebook.com/voxultra/posts/10222105160992446

Ray Reyes ingressou no Menudo, boy band porto-riquenha de sucesso global, em 1983. Ficou dois anos no conjunto, que já teve diversas formações e revelou Ricky Martin,

TÓPICOS PARA VOCÊ

 

Camaçari: Cachorro chora em velório de dona e comove presentes

Camaçari: Cachorro chora em velório de dona e comove presentes

Foto: Jailson Santos / G1

Um cachorro chamou a atenção no velório da tutora dele em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Toy, como o animal é chamado, ficava ao lado do caixão de Luzinete Lopes Diniz e não parava de chorar. Ele também não deixava ninguém chegar perto do caixão. Luzinete Diniz morreu vítima de infarto na quarta-feira (28).

Horas depois, parentes e amigos participavam do velório na casa da idosa, no bairro do Mangueiral. Segundo o G1, amigos de Luzinete Diniz contaram que a tutora e o cachorro eram sempre vistos juntos. Diniz, que era testemunha de Jeová, levava o cachorro para o culto que a aguardava do lado de fora para voltar para casa. Situação semelhante também ocorria quando ela ia ao supermercado, e o cachorro ficava do lado de fora na espera.Toy foi adotado por Luzinete Diniz desde quando era filhote e o tratava como membro da família.

Um dos presentes e amigo da família, Jailson Santos, usou as redes sociais para descrever o que viu e o tocou. “O dia hoje amanheceu triste com o falecimento de dona Luzinete, Testemunha de Jeová, como era conhecida, pessoa muito querida. E o que mais estou impressionado é com o desespero desse cachorro da família, parecendo que estava entendendo que a dona estava falecida, chorando como se fosse uma pessoa quando perde um ente querido, não queria deixar ninguém chegar próximo ao caixão”, relatou.

BN

“Em uma investigação criminal nada pode ser descartado”: diz mãe de Beatriz Mota sobre boneca com sinais de violência, encontrada em Petrolina

 

(foto divulgação Petrolina em Destaque)

Na manhã do último sábado (24) moradores do bairro Jardim Guararapes em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, foram surpreendidos com uma  boneca pendurada em um poste de uma das ruas do bairro.

Segundo informações do site Petrolina em Destaque, um morador achou o brinquedo no lixo e colocou no local para chamar atenção, retirando horas depois. Na imagem divulgada, é possível perceber que a boneca teve o corpo pintado com traços vermelhos, que se assemelham a cortes.

Após o episódio inusitado, Lucinha Mota, mãe da menina Beatriz Angélica, que foi assassinada a facadas no dia 12 de dezembro de 2015, associou a exposição da boneca com sinais de violência ao assassinato da filha. Para ela, o autor da ação pode ter tido a intenção de passar uma mensagem sobre o homicídio da filha.

Durante o programa Preto no Branco transmitido na Transrio 99 FM, na manhã desta quarta-feira (27), Lucinha falou sobre o caso, e pediu ajuda dos moradores para identificar quem pintou a boneca, que ainda carregava um cano na mão, o que pode ser associado a um diploma de formatura e um pano no pescoço, representação de enforcamento. A menina Beatriz Mota foi assassinada barbaramente durante uma cerimônia de formatura no Colégio Maria Auxiliadora, em Petrolina.

“Muito estranho o fato desta boneca toda marcada com traços que simbolizam violência, representando uma vítima também de enforcamento e com um canudo na mão, aparecer assim em um poste de uma rua em Petrolina. Para o investigador americano, que está nos auxiliando na elucidação do crime de minha filha, esta boneca pode representar muito. Pode haver alguma mensagem por trás deste ato bizarro. Em uma investigação criminal nada pode ser descartado. Os peritos acreditam que pode sim ter alguma relação com o crime, algum recado ou mensagem, e isso é muito sério. Precisa ser investigado. Quem iria brincar com uma representação tão forte e macabra desta? “, disse Lucinha.

Durante a entrevista a mãe de
https://www.instagram.com/p/CORJ1oEr9ku/?igshid=1v7qqy9sbx4m9

 

Qualquer informação pode ser passada para o PNB, através do (74) 8847-3422 ou diretamente para a família de Beatriz Mota (87) 8168-1496

Da Redação PRETONOBRANCO

Juazeirense segue em ritmo intenso de treinos visando última rodada do Baianão

No Cancão de Fogo o que não falta é treino. O time segue em ritmo forte de treinamentos na busca do melhor rendimento para enfrentar o Doce Mel na última rodada do Campeonato Baiano, no dia 05 de maio.

O técnico Givanildo Sales sabe que um triunfo nesta partida, além de confirmar a ótima campanha do time no Baianão, mais três pontos significam passagem direta para a Copa do Brasil em 2022: “Eu quero que encarem o Doce Mel como se fosse o primeiro jogo da semifinal do campeonato Baiano. Não tem relaxamento, porque futebol, quando se entra na zona de conforto, o tropeço é maior e aqui não pode existir zona de conforto” disse o técnico.

No treino desta quinta (29), Givanildo teve a volta de Carlinhos aos treinos no campo. O lateral fazia trabalhos à parte para tratar um problema no adutor da coxa esquerda. Rayllan e Nino Guerreiro fizeram trabalhos com fisioterapia.

Sem descanso, os atletas da Juazeirense terão atividades durante todo o fim de semana. Haverá, inclusive, um jogo treino contra o Sub-20 do Cancão de Fogo agendado para este sábado, dia 01, no Adauto Moraes.

 

Ascom

Abastecimento de água em Antônio Gonçalves e Campo Formoso está interrompido por falta de energia elétrica  

  

A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) informa que uma queda de energia elétrica, ocorrida na madrugada de hoje (30), interrompeu o fornecimento de água nos municípios de Antônio Gonçalves e Campo Formoso.

A Coelba já foi notificada, mas até o momento não deu previsão de quando irá restabelecer o fornecimento da energia. A Embasa aguarda a solução do problema pela COELBA  para retomar os serviços de captação, tratamento, reservação e distribuição do recurso hídrico para a população afetada.

Ascom

Senhor do Bonfim chega a 60 óbitos por Covid-19

 

 

Senhor do Bonfim  chegou a marca de 60 óbitos por Covid-19 nesta quinta-feira (29), quando mais uma morte foi registrada. Um idoso de 61 anos ,hipertenso, foi a mais recente vítima da doença no município.

O paciente que perdeu  a luta contra o vírus tomou  a 1ª dose da vacina em 23 de março. Ele tinha sido transferido da UPA para o Hospital Dom Antônio Monteiro – HDAM – em 13 de abril.

De acordo com o boletim epidemiológico da secretaria municipal de Saúde, nesta quinta houve ainda a confirmação de 06 novos casos ativos de Covid-19, em um total de 3.793 registros da doença desde o início da pandemia.

No momento são 95 casos ativos,  e 144 pessoas  monitoradas. Em Bonfim, 49  casos aguardam  resultado do exame. A ocupação dos leitos de UTIs no HDAM é de 75%.

A Central de Atendimento  do município recebe dúvidas relacionadas a Covid -19  através de mensagens de texto pelo WhatsApp ou ligando para (74) 98857 9069.

FALANDOTUDO.COM