Publicado em : ter, jun 6th, 2017

Bahia atropela o Atlético-GO com gols de estreantes: 3×0

Na noite dos estreantes PÉS-QUENTES, o Esporte Clube Bahia fez o dever de casa bem feito e voltou a vencer no Campeonato Brasileiro após duas derrotas consecutivas longe de Salvador para Vasco e Botafogo, desta vez atropelou sem muito esforço ou trabalho o lanterna Atlético-GO por 3x0 na Arena Fonte Nova onde se mantém avassalador e já balançou as redes NOVE vezes nos dois jogos pela competição nacional, ao todo, 10 gols, melhor ataque da Série A. Os gols foram anotados por Renê Júnior e os “novatos” Vinícius e Gustavo Ferrareis no primeiro jogo do técnico Jorginho à frente da equipe estreando com o PÉ DIREITO e um triunfo convincente. O resultado fez o Esquadrão saltar para a 9ª posição com 6 pontos acumulados.
O técnico Jorginho optou pelo meia Vinícius ao invés do volante Juninho no time titular, é claro, jogando em casa contra o lanterna da competição, era preciso uma equipe com maior mobilidade ofensiva e agressiva. O estreante atuou na vaga de Régis, com Allione e Zé Rafael abertos pelas beiradas, e teve uma boa atuação para um atleta que estava seis meses sem jogar, inclusive deixando sua marca no primeiro jogo pelo tricolor. No entanto, destaque maior para o volante Renê Júnior que foi um GIGANTE em campo e fez uma partida impecável mesmo sentindo dores no ombro, além do meia Zé Rafael, o cérebro do time esta noite com muita criatividade e duas assistências.
O Bahia controlou e dominou completamente o primeiro tempo, chegou a apresentar 80% de posse de bola, com raros passes errados e levando perigo maior pelo lado esquerdo. Se aproveitou da fragilidade e vulnerabilidade do adversário para transformar o domínio em efetividade e levar para o intervalo um 2×0 no placar. Os gols saíram com naturalidade e sem afobação, primeiro com Renê Júnior aos 15 minutos e depois com o estreante Vinícius aos 40. Allione e Zé Rafael tomaram conta do meio-campo e foram responsáveis pelas duas assistências. O goleiro Jean só foi se movimentar aos 46 minutos em chute de Andrigo.
O segundo tempo apresentou um ritmo mais lento e o jogo ficou entediante, até os 26 minutos com o gol do meia e também estreante Gustavo Ferrareis que saiu do banco para aumentar o placar e bater o último prego no caixão goiano, com novo passe do garçom Zé Rafael. Sem reação e sufocado nos 90 minutos, o Atlético-GO apenas ajoelhou, olhou para os céus e pediu que o jogo acabasse logo para que a balaiada não fosse impiedosa como aconteceu com o outro Atlético, do Paraná, afinal, pelo que apresentou os goianos, 3×0 ficou barato. Agora o Bahia foca no seu próximo compromisso, novamente na Arena Fonte Nova, quinta-feira às 21 horas, diante do Cruzeiro.Publicado por

Deixe seu Comentário