Justiça suspende campanha de Bolsonaro contra isolamento social

A juíza federal Laura Bastos Carvalho determinou que “a União se abstenha de veicular, por rádio, televisão, jornais, revistas, sites ou qualquer outro meio, físico ou digital, peças publicitárias relativas à campanha ‘O Brasil não pode parar’, ou qualquer outra que sugira à população brasileira comportamentos que não estejam estritamente embasados em diretrizes técnicas, emitidas pelo Ministério da Saúde, com fundamento em documentos públicos, de entidades científicas de notório reconhecimento no campo da epidemiologia e da saúde pública”.

Laura Bastos argumentou que a campanha que incentiva o fim do isolamento põe em risco do direito constitucional da população à saúde e que sua adoção pode levar a um colapso da rede pública de saúde.

A medida liminar atendeu ao pedido apresentado pelo Ministério Público Federal (MPF) nesta sexta-feira (27) e em descumprimento, o governo deverá pagar multa de R$ 100 mil.

 

 

Projeção dos casos do coronavírus no Brasil é assustadora, com progressões geométricas

A rotina dos hospitais públicos e privados mudou drasticamente a partir do avanço do coronavírus. Ao chegar já com quadro respiratório comprometido, com febre e tosse intermitente, o paciente hoje, no sistema privado, no Rio e em São Paulo, é recebido por uma equipe especialmente escalada para o atendimento. Como definem as regras internacionais, são levados a uma ala específica de UTI, aberta para receber a avalanche de casos. Foi o caso de um paciente que sobreviveu, mas prefere não se identificar, atendido no Copa D’Or, no Rio. Os médicos, com equipamentos de segurança (as EPIs), contam com respiradores e aspiradores em cada leito. A estimativa da direção é colocar à disposição todos os leitos de UTI da unidade (108).

As perspectivas de crescimento do coronavírus no Brasil apontam progressões geométricas. Tanto na rede pública quanto na privada, a curva de crescimento de quadros de coronavírus até a última quinta chegava a 20% a 30% por dia. O cálculo é feito com dados de todo o Brasil, mas com base em resultados já confirmados pelos exames. O número de suspeitos cresce, mas só é computado depois do resultado concluído. O tempo de demora para o diagnóstico varia de 4 a 5 dias. A base de dados é da rede privada e do Ministério da Saúde. As projeções são feitas com o cálculo percentual em cima desses avanços e com estudos de especialistas em estatística. Por isso há profissionais de ciência de dados no grupo multidisciplinar, que presta assessoria às duas redes.

— Estamos fazendo projeções de curto prazo. Porque a médio e longo é difícil o resultado preciso. É um vírus ainda desconhecido. Que age em cada lugar de um jeito — diz o pesquisador Fernando Bozzo.

A projeção é feita para todo o país. Fernando Bozzo alerta para o grande perigo da subnotificação. Não há hospitais privados em 67% dos municípios. Os pacientes com problemas respiratórios são atendidos sem que se examine a possibilidade de contaminação por coronavírus. O que agrava o risco de uma contaminação silenciosa do vírus.

— A subnotificação é um problema grave, porque há inúmeras regiões em que o diagnóstico não consegue sequer ser feito nos pacientes — alerta Bozzo.

Hospital de referência no setor privado do Rio, que está tratando exclusivamente de pacientes com casos graves de coronavírus, o Ronaldo Gazzola aumentou em três dias o atendimento com esse quadro: de 12 para 30, de acordo com um dos médicos que atua lá. Até anteontem, o hospital estava se preparando para abrir 50 leitos. A expectativa é que até o começo da semana que vem cheguem 200 respiradores.

Com a proliferação do vírus, muitos pacientes com sintomas de gripe têm procurado o hospital, que, no entanto, não é de emergência. Atende através do sistema de seleção da secretaria de Saúde, uma central de regulação. Um paciente com sintomas como febre baixa e dificuldades respiratórias, por exemplo, na rede pública, deve procurar primeiro um posto de saúde, se for indicação, uma UPA, em seguida, depois de avaliação, segue para o Gazzola. O hospital Piedade, em Piedade, com 100 leitos, também está sendo preparado para receber pacientes.

Fonte: Extra

 

Coronavírus: Decreto suspende feira livre deste sábado (28) em Senhor do Bonfim

 

 

Neste sábado,28 de março, está suspensa a realização da feira livre da cidade de Senhor do Bonfim. A proibição está inclusa dentro de uma série de medidas contidas no decreto 0058/2020, assinado pelo prefeito Carlos Brasileiro.

 

A determinação impõe pena de apreensão da mercadoria e cassação do Alvará e Licença de Funcionamento em caso de descumprimento. O decreto tem validade até a próxima terça (30) e poderá ser prorrogado se necessário. As medidas abrangem também as feiras livres do inteiro do município.

 

No mesmo documento está determinado o fechamento de bares, restaurantes, lanchonetes, casas de shows e espetáculos de qualquer natureza, boates, danceterias, casas de festas e eventos, camelôs, ambulantes, trailers, congêneres, salões de beleza, barbearias, clínicas de estéticas, clubes de serviço e lazer.

 

“Estamos acompanhando a situação, avaliando e tomando decisões a cada momento junto com o Grupo de Trabalho (composto por membros da secretaria de Saúde com a finalidade de promover ações para conter a propagação vírus ). A situação é grave e precisamos manter as pessoas o máximo possível dentro de suas casas, que é a melhor forma de combater o vírus. Paralisar as feiras, neste contexto, é uma forma de proteger a população”, salientou o prefeito Carlos Brasileiro.

 

Confira o decreto:https://www.pmsb.ba.gov.br/cidadao/decreto-de-emergencia-no-58-comercio-e-feira-livre/

ASCOM PMSB

 

 

Faça estas 4 coisas para recuperar a confiança depois de ser pego na mentira 

Você não queria, mas mentiu para a pessoa que mais amava. Talvez tenha sido o quanto você gastou em uma roupa nova, onde você foi em vez de “trabalhar até tarde no escritório” ou o fato de ter estado em contato com seu ex.

De qualquer maneira, você mentiu e agora isso está te comendo por dentro. Ele já deve ter descoberto ou você não aguentou a culpa e confessou. Este é realmente um lugar frustrante e confuso para se estar.

Sentimentos como vergonha, raiva, ressentimento, auto-defesa e, mais provavelmente, todos vocês despertaram por dentro, e se você mentiu para essa mesma pessoa no passado, provavelmente se sente ainda pior. É um hábito que você precisa parar para poder parar de destruir seu relacionamento e ela aprender a confiar em você novamente.

Após a admissão (ou descoberta), a explosão de sentimentos feridos e o pedido de desculpas, e agora? Veja o que site de sugar baby tem a dizer sobre isso.

Você fez uma mudança e agora precisa se concentrar em fazer o possível para restaurar a confiança em seu relacionamento. Você precisa consertar as coisas novamente para que você e ele possam voltar a amar e se conectar, mas parece que, por mais que você tente ser completamente honesto, seu parceiro simplesmente não consegue superar o passado , e ele está tendo dificuldade em perdoar você.

O que você provavelmente já sabe é que não pode fazer seu parceiro confiar em você novamente. Isso significa que, embora você não possa fazê-lo liberar o passado ou perdoá-lo pelo que aconteceu, você PODE assumir a responsabilidade por si mesmo. É hora de realmente concentrar sua atenção em tornar-se confiável novamente – não apenas para ele, mas também para si mesmo.

A série de decisões que o levaram a mentir provavelmente corroeu seu próprio senso de autoconfiança. Não importa se você teve um caso e mentiu para encobri-lo ou se mentiu sobre algo mais ou menos “sério” em seu julgamento, você fez a ação e, a fim de reconstruir esse senso de confiança e conexão, tanto com ele e dentro de você, você precisa fazer algumas mudanças. Aqui estão quatro maneiras de começar o caminho da confiabilidade:

1. Aprenda a confiar em si mesmo novamente

 

É vital que você aprenda a confiar em si mesmo novamente. Isso é para seu benefício e também para o potencial aprimoramento de seu relacionamento.

Quando você não acredita em si mesmo, isso aparece. Sua linguagem corporal dirá ao mundo que você não se considera confiável. Se você não confia em si mesmo, por que mais alguém confiaria em você?

Mesmo que você não tenha feito nada errado e esteja sendo completamente honesto agora, à medida que continua se apegando à imagem de si mesmo como alguém em quem não se pode confiar, sua linguagem corporal comunicará isso, apesar da verdade.

Quando você começa a se perdoar e a se curar, sua linguagem corporal será remodelada e enviará um tipo diferente de mensagem para ele.

2. Torne-se completamente transparente

Enquanto você faz esse importante trabalho interno aprendendo a confiar em si mesmo novamente, você precisa ser completamente transparente e aberto com seu parceiro. Faça questão de compartilhar regularmente com ele o que você tem feito e com quem já esteve.

Faça isso com a intenção de restabelecer a confiança e estabelecer um senso de abertura, em vez de uma atitude “preciso”.

Você pode pensar em ser transparente como uma maneira de compartilhar e se reconectar com o que você faz quando está separado. Ouça e envolva-se com as informações que ele compartilha com você em troca.

Fique atento a si mesmo e ao que deseja e precisa em seu relacionamento. Seus desejos de restaurar a confiança e avançar em direção ao relacionamento que você deseja são válidos – não importa o que você fez no passado. De fato, às vezes, mentir em um relacionamento ocorre porque uma ou ambas as pessoas não estão claramente comunicando suas necessidades.

Entre em contato com o que você precisa do seu relacionamento e compartilhe isso constantemente com ele – e faça com que ele faça o mesmo.

3. Cumpra seus compromissos com a pessoa

É importante que você cumpra os acordos que faz – especialmente neste momento. Ao restaurar a confiança, faça um compromisso consigo mesmo e com ele, e mantenha-o. Faça o que puder para manter sua palavra.

Às vezes, em um relacionamento, as pessoas concordam com algo, mesmo que não tenham 100% de certeza de que desejam seguir adiante. Parece, na época, mais fácil dizer “sim” e seguir em frente – mas isso não ajuda a recuperar a confiança. Em vez disso, faça apenas acordos que você acredita que pode manter.

Se você não conseguir manter sua palavra por qualquer motivo, é imperativo que você comunique imediatamente o que está acontecendo com ele e fale sobre como resolver o problema.

4. Observe suas melhorias e dê a si mesmo algum crédito

Não espere que ele o elogie verbalmente pelas melhorias que você fez – celebre a si mesmo observando as coisas que está fazendo certo. Observe e aplaude seus próprios passos ao tomar uma decisão de cada vez.

Ao fazer isso, permita-lhe algum tempo para curá-lo e perdoá-lo no seu próprio ritmo. Mesmo que você ache que está fazendo um ótimo trabalho, provavelmente levará algum tempo para recuperar a confiança dele.

 

Petrolina  e Juazeiro recebem doação de 20 mil litros de álcool 70

 

 

 

A prefeitura de Petrolina recebeu nesta sexta-feira (27), um reforço considerável no enfrentamento ao Coronavírus (Covid -19). A empresa sucroalcooleira, Agrovale, que fica em Juazeiro – BA, fez a doação ao município pernambucano de 10 mil litros de álcool 70.

 

Destinado à higienização e assepsia dos profissionais de saúde e demais colaboradores das unidades e serviços de atenção ao usuário do Sistema Único de Saúde – SUS de Petrolina, o álcool 70, segundo o prefeito do município, Miguel Coelho, chegou em boa hora.

 

“Com a pandemia da Covid-19, este produto está escasso no mercado, comércio local e em todo País. Agradecemos muito à Agrovale pelo inestimável apoio neste momento de necessidade urgente”, ressaltou o prefeito.

 

De acordo com o diretor Financeiro e TI da Agrovale, Guilherme Colaço Filho, a empresa está concluindo as tratativas com a prefeitura de Juazeiro para a doação também, em breve, de mais 10 mil litros de álcool 70, que serão distribuídos entre hospitais e centros de saúde do município juazeirense.

 

“Começamos as doações na semana passada com o envio para o Governo do Estado da Bahia de 100 mil litros de álcool. Continuaremos a contribuir para que essa situação de angústia e dor cesse e ao final, valores construídos com base na união, solidariedade e empatia, guiarão a todos por um mundo melhor”, concluiu Guilherme Colaço Filho.

Agrovale dobra cuidados com o Coronavírus e vacina trabalhadores com a Trivalente

 

Em atendimento às orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e Ministério da Saúde, a Agrovale vem tomando os cuidados necessários para proteção e o bem-estar dos colaboradores, com a adoção de uma série de medidas preventivas no combate à pandemia do Coronavírus (Covid-19).

A empresa, que mantém o funcionamento de acordo com o Decreto Federal 10.282 de 20 de março de 2020  que regulamenta a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020 e define os serviços públicos e  atividades essenciais,  informa que a primeira das medidas, foi o afastamento das atividades dos empregados que se enquadram no grupo de risco.  Pessoas acima de 60 anos de idade, gestantes, hipertensos, diabéticos, portadores de doenças crônicas, de doenças imunodepressivas e outros com a saúde debilitada.

Para evitar aglomerações, a empresa está procedendo uma distribuição quantitativa de trabalhadores levando em consideração o fluxo em áreas comuns como o restaurante e vestiários. Os horários de saída e de entrada foram adaptados, bem como o acesso ao registro de ponto e ao vestiário, para que o fluxo aconteça de forma espaçada e tranquila, obedecendo a marcação dos pisos a fim de que se mantenha a necessária distância entre as pessoas.

Desde o início da pandemia a Agrovale está efetuando, de forma rigorosa, a higienização de corrimões, maçanetas, móveis, utensílios, ônibus e em locais diversos a fim de se bloquear possíveis contágios. Na saída do vestiário para o ônibus os trabalhadores estão recebendo jatos de álcool 70% borrifados nas mãos, tanto na chegada como na saída da empresa. Tendo em vista a mudança cultural, a empresa vem promovendo palestras educativas e de conscientização, objetivando a colaboração de todos.

Vacinação

 

Fazendo parte ainda do conjunto de cuidados com a saúde, a Agrovale também vai realizar uma campanha para vacinação de 5 mil trabalhadores com a vacina Trivalente.  Contendo a nova composição de CEPA (pandêmica (H1NI) e sazonal) atualizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para o ano de 2020, a vacina Trivalente  será distribuída gratuitamente entre os colaboradores no começo do próximo mês de abril.

Bahia tem 108 casos de coronavírus; idosa de 95 anos é curada

Do total de casos, 16 estão curados, sendo dois no dia de hoje

[Bahia tem 108 casos de coronavírus; idosa de 95 anos é curada]
Foto : Divulgação

Por João Brandão no dia 26 de Março de 2020 ⋅ 17:50

A Bahia registrou hoje (26) 108 casos confirmados com coronavírus (Covid-19), quatro a mais em comparação com o boletim de mais cedo. São 1.082 casos descartados e não há óbitos.

Este número contabiliza todos os casos de janeiro até as 17 horas desta quinta-feira (26). Do total de casos, 16 estão curados, sendo dois no dia de hoje. Entre eles, uma idosa de 95 anos, que estava hospitalizada.

Os municípios com casos positivos são estes: Alagoinhas (01); Barreiras (01); Brumado (01); Camaçari (01); Canarana (01); Conceição do Jacuípe (01); Conde (01); Feira de Santana (09); Ilhéus (01); Itabuna (02); Jequié (01); Juazeiro (02); Lauro de Freitas (05); Porto Seguro (10); Prado (02); Salvador (63 casos, sendo 60 residentes na capital, 1 residente em Mossoró RN, 1 São Paulo e 1 Miami); São Domingos (01); Teixeira de Freitas (01) e 4 estão em investigação sobre o local de residência e infecção. Estes números representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA) em conjunto com os Cievs municipais.

Prefeito Carlos Brasileiro decreta distribuição da merenda escolar para alunos durante o período de suspensão

 

O prefeito Carlos Brasileiro, em decorrência da pandemia do novo coronavírus e das políticas de enfretamento e prevenção adotadas no município, considerando que a merenda escolar se constitui em uma das principais refeições diárias dos alunos e que as atividades letivas na rede municipal de ensino encontram-se suspensas pelo prazo de 30 (trinta) dias, prorrogáveis se necessário, DECRETOU a destinação e distribuição dos produtos que compõem a merenda escolar, durante o período de suspensão das atividades letivas na rede municipal de ensino.

A Secretaria Municipal de Educação, responsável pela ação, contará com o apoio e a logística de órgãos integrantes de outras pastas municipais, encarregando-se de promover a distribuição e entrega dos alimentos perecíveis e não perecíveis da merenda escolar aos alunos da rede municipal de ensino, que estão em maior vulnerabilidade social, devidamente cadastrados em programas de assistência social, tais como o Cadastro Único do Governo Federal, durante o período de suspensão das atividades escolares decorrentes da pandemia do Covid-19.

Foto meramente ilustrativa

Os produtos da merenda escolar serão acomodados em invólucros apropriados, tipo kits, e serão distribuídos pelos gestores das unidades de ensino com participação dos Conselhos Escolares. A distribuição será feita mediante prévios agendamentos de horários de retiradas, a fim de evitar aglomerações. As entregas dos produtos deverão ser formalizadas e assentadas em documentos apropriados, contendo as assinaturas dos pais ou responsáveis legais dos alunos beneficiários. O cronograma de distribuição da merenda será informado à imprensa local e disponibilizada nos meios oficiais da Prefeitura de Senhor do Bonfim.

ASCOM PMSB

 

Operadoras liberam sinais de TV e Internet por causa do Coronavírus

 

Já está de quarentena? Então aproveite os canais e Internet liberadas pela sua operadora.

 

No início desta semana a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) enviou determinações e sugestões para as operadoras por meio de um ofício que visa garantir o pleno funcionamento dos serviços de telecomunicações. Entre as muitas orientações e determinações da Anatel está a liberação de redes Wi-fi para a população, ampliação da velocidade da Internet e, entre outras coisas, o acesso liberado a certos canais de TV por assinatura.

Além dessas determinações algumas estão relacionadas com a inadimplência e com o pagamento das faturas, visando flexibilizar as cobranças para que neste momento ninguém fique sem poder se comunicar. Outra medida interessante é o pedido para que o uso do aplicativo do SUS sobre o coronavírus, não seja descontado da franquia de internet dos usuários. Nos próximos dias, muitos trabalhadores terão que realizar suas atividades através do home office para evitar a propagação da doença, o que fará com que a população necessite do pleno funcionamento das redes de Internet e telefonia.

Confira a seguir a lista de determinações e orientações.

  • providências para acesso zero rating ao aplicativo móvel desenvolvido pelo Ministério da Saúde, o Coronavírus-SUS;
  • medidas de ampliação de acesso a não assinantes (como liberação de redes Wi-fi em determinados locais públicos);
  •  medida de ampliação de velocidade de conexão nos acessos fixos à banda larga;
  • promoção de campanhas publicitárias para divulgação de informações referentes à COVID-19, em especial com replicação daquelas realizadas pelo Ministério da Saúde;
  • definição de plano de ação para garantia da estabilidade técnica do sistema, no sendo de se evitar degradação de qualidade decorrente de ampliação súbita da demanda, no âmbito do Grupo de Gestão de Riscos e Acompanhamento do Desempenho das Redes de Telecomunicações (GGRR);
  • flexibilização nos prazos de tratamento de casos de inadimplência por parte dos consumidores em áreas sob restrições de deslocamento;
  • medidas de priorização no atendimento a solicitações de reparos em
  • estabelecimentos de saúde e serviços de urgências;
  • aprimoramento na gestão interna das prestadoras em relação à força de trabalho própria e terceirizada, no sentido de divulgação de práticas de higiene e restrição de aglomerações no atendimento pessoal ao público externo e nos ambientes de call center.

Falandotudo.com

 

 

Prefeitura de Senhor do Bonfim realiza higienização de ruas para prevenir o coronavírus

 

A Prefeitura de Senhor do Bonfim está fazendo a higienização (sanitização) em praças centrais da cidade com intuito preventivo de combater o novo coronavírus (COVID-19). O vírus já infectou mais de 400 mil pessoas em todo o mundo e levou cerca de 20 mil a óbitos.

A limpeza realizada é eficaz na redução das chances de contaminação por vírus, parasitas e bactérias. “O método não oferece risco à saúde das pessoas. A solução utilizada é uma mistura à base de água e cloro “, esclarece Jefson Muricy, servidor municipal responsável pela coordenação da ação.

 

O serviço aconteceu na manhã desta quarta(25) nas praças Antônio Gonçalves, Augusto Sena Gomes e Castro Alves – região do Mercado Municipal. A higienização ocorreu em meio a pouca movimentação nas ruas, devido ao período de quarentena

A ação foi executada pela Torre – empresa terceirizada responsável pela limpeza da cidade – e homens do 2° Subgrupamento de Bombeiros Militar (2°SGBM) de Senhor do Bonfim.

“Isso é prevenção, lavando e desinfetando com certeza vai ajudar a evitar a contaminação pelo vírus”, ressalta a servidora pública Tereza Almeida ,durante a limpeza.

Segundo o governo municipal, a assepsia de ruas e praças será realizada até que essa pandemia do novo coronavírus seja controlada. O município de Senhor do Bonfim não tem casos confirmados da doença.

ASCOM PMSB